Equalizações no pré-sal rendem € 80 mi à Galp

Portuguesa tem participação de 10% e 20% nas concessões BM-S-11, BM-S-11A e BM-S-24

A portuguesa Galp espera receber 80 milhões de euros no segundo trimestre por conta dos acordos de equalizações assinados pela Petrobras com as consorciadas nas jazidas compartilhadas de Lula, Atapu e Sépia, na Bacia de Santos. Os acordos se referem às concessões BM-S-11, BM-S-11A e BM-S-24, nos quais a Petrogal Brasil, subsidiária da Galp no…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
você pode gostar também
Abrir Whatsapp
Precisa de Ajuda?
Olá! posso te ajudar?