Pemex encerra jejum de 15 anos sem aumento de produção

Segundo a petroleira, a produção de 2020 poderia ser maior, caso o acordo da Opep+ não a tivesse levado a cortar volumes entre maio e julho

Depois de 15 anos de quedas sucessivas em sua produção, a estatal mexicana Pemex registrou crescimento em 2020. No ano, foram extraídos 1,705 milhão de barris/dia, superando a média de 2019 em cerca de 4 mil barris/dia. Os totais contabilizados pela Pemex incluem a produção de óleo bruto e condensado de seus sócios. Em nota,…

Se já for assinante, faça seu login

Entrar
Ou
Nosso conteúdo é exclusivo para assinantes, mas
você pode se cadastrar para continuar lendo

e ainda ter acesso a 3 matérias por mês. (apenas para não assinantes)

Cadastre-se aqui


Ou

O assinante da Brasil Energia tem acesso ilimitado a conteúdo exclusivo sobre todo o setor energético
elaborado por jornalistas qualificados e a análises de especialistas do mercado.
Apoie o jornalismo especializado e faça a sua assinatura por menos de R$ 2,70 por dia.

Assine
você pode gostar também